AL mais que triplicou produção de energia solar em 2020

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Apesar do aumento de 315%, o estado é responsável por apenas 0,31% do total produzido no país

Foto: American Public Power Association/unsplash

Mariane Rambo* 

A energia faz parte da nossa rotina, seja para usar um computador ou ligar um ventilador, por exemplo. Com isso, tem se discutido cada vez mais a utilização de energias renováveis, que são aquelas que buscam usar recursos naturais que são considerados infinitos. Uma dessas fontes é a energia solar, que utiliza como fonte a luz do sol.

De acordo com dados divulgados pela Fiquem Sabendo e analisados pela Agência Tatu, em 2020, Alagoas aumentou em 315% sua produção de energia solar com relação a 2019, com uma produção de 33,38 GWh contra 10,58G GWh no ano anterior. Mesmo com o expressivo aumento, o estado foi responsável por apenas 0,31% da energia solar do país.

O Gerente de  Recursos Energéticos da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Alagoas, Bruno Carvalho de Macêdo, explica os motivos que levaram ao aumento na produção da energia solar. " Se deve à disponibilidade de recursos naturais, as boas práticas regulatórias e de gestão pública”. De acordo com Macêdo, essa energia solar produzida no estado poderia abastecer 15 mil casas durante um ano. 

Paulo César Carpegiane é dono da AP Solar, que oferece soluções em geração de energia solar há três anos no estado. Para ele, o aumento da produção desse tipo de energia está ligado ao desenvolvimento econômico e outros fatores. "A conscientização das pessoas  para a utilização de energia limpa e renovável, a crise hídrica e a facilidade de financiamentos bancário”, explica.

Paulo César Carpegiane, dono da AP Solar.

O programa do Objetivos de Desenvolvimento Sustentável do Governo Federal tem a intenção de até 2030 garantir acesso à energia barata, confiável, sustentável e renovável para todos. Esse tipo de recurso é uma alternativa sustentável pois não utiliza fontes de combustíveis fósseis, que geram impactos ambientais.

Histórico de produção de energia sustentável 

Desde 2012 o Brasil produz energia solar. Nesse primeiro ano, o total produzido foi de 1,62 GWh. Já em 2020, o país produziu 10.749,81 GWh de energia solar. 

Produção de energia solar no Brasil

Outro tipo de energia renovável é a eólica, que utiliza a força dos ventos. Em 2000, o Brasil começou a produção desse tipo de energia e, naquele ano, a produção foi de 1 GWh. A produção ficou parada até 2011, quando o país voltou a produzir, tendo um total de 2.704,50 GWh.  Em 2020 foi o período em que o país mais teve produção de energia eólica, totalizando 57.050,71 GWh.

Gerente de  Recursos Energéticos da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Alagoas, Bruno Carvalho de Macêdo,

Alagoas ainda não produz energia eólica, mas há a intenção de implantar este tipo de energia no estado. "Há potencial eólico no interior do Estado”, reforça o   Recursos Energéticos da Sedetur, Bruno Macêdo, que afirmou a existência de estudos e projeções para projetos envolvendo esse tipo de energia no estado. 

Ano passado, essas duas energias renováveis foram responsáveis por apenas 3,33% do total de energia produzida no país, que foi de 2.035.971,91 GW. 

*Estagiária sob a supervisão da Editoria

DADOS ABERTOS | Prezamos pela transparência, por isso disponibilizamos a base de dados e documentos utilizados na produção desta matéria para consulta:

Assine a nossa newsletter

Recomendadas pra você

Receba conteúdo gratuito da Tatu diretamente no seu WhatsApp.