Saiba como funciona o envio de alertas meteorológicos via SMS

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Em funcionamento desde o final de 2019, ferramenta já possui cerca de 50 mil cadastrados

Foto: Ascom Defesa Civil de Maceió.

Por Maria Luíza Dantas*

Como mais uma forma de alertar a população sobre possíveis eventualidades meteorológicas que podem atingir a cidade, a Defesa Civil de Maceió utiliza um mecanismo de informação com a comunidade, que é o envio de mensagens por SMS. A emissão acontece em diversas situações meteorológicas que envolvem riscos dos mais diversos, como deslizamento de barreira, pontos de alagamento, inundação, chuvas intensas e ventos fortes. 

Para emitir a mensagem via SMS, as condições meteorológicas são analisadas pela Defesa Civil junto à Sala de Alerta da Secretaria do Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Alagoas (Semarh) e, somente após essa análise, os alertas são emitidos de acordo com as situações previstas para o local. 

Entenda como funciona

A sala de alerta da Semarh é a responsável pelo monitoramento meteorológico e hidrológico de todo o estado. Com isso, diariamente é feita uma previsão do tempo, tanto para o dia atual, quanto para os três dias seguintes. Caso nessa previsão do tempo seja identificada a possibilidade de algum evento adverso, seja ele de chuva, de vento, inundação e outros, é emitido um aviso meteorológico, que funciona como um sinal de atenção. 

A partir desse momento, começa a ser feito um monitoramento mais detalhado do município e, se as previsões persistirem, é feito o contato com a Defesa Civil do Estado e com a Defesa Civil de Maceió (no caso da capital), para emitir o alerta. 

No momento em que recebe as informações, a Defesa Civil do Município imediatamente faz um estudo e uma análise manual do local que poderá ser afetado. Logo depois, o sistema  coleta todos os CEPs cadastrados naquela região e assim envia a mensagem. Se o alerta englobar toda a cidade, o SMS é emitido para todos os números, mas caso seja para uma localidade específica, apenas para os CEPs daquela região. Veja o infográfico.

“A Defesa Civil  junto à Semarh fica atenta às situações e quando observamos que há algum risco em certo local que ofereça uma situação mais crítica e que possa vir a causar algum dano físico e econômico, emitimos os avisos para a população”, pontuou Joana Borba, coordenadora do Centro Integrado de Monitoramento e Alerta da Defesa Civil de Maceió.  

O mecanismo serve como meio de contato direto entre o órgão e a população. “Informar a população de forma antecipada é muito importante, pois, de fato, conseguimos evitar danos maiores, além de deixar a população mais atenta aos possíveis riscos”, completa Borba.  

Vinícius Nunes Pinho, meteorologista e coordenador da Sala de Alerta da Semarh, explica o objetivo do trabalho realizado diariamente. “Essas análises têm como principal finalidade a minimização dos impactos dos desastres naturais em Alagoas. O trabalho de prevenção e mitigação de desastres naturais é a forma mais eficiente de proteger a vida da população”, pontua. 

Como receber os avisos

Para receber os avisos meteorológicos basta fazer o cadastro, que é gratuito, enviando uma mensagem para o número 40199, com o CEP da rua em que o morador reside. Cerca de 40 minutos após o envio chegará uma mensagem de confirmação. Mais de um endereço pode ser cadastrado. 

De acordo com a Defesa Civil de Maceió, o envio dos alertas acontecem com mais frequência no período chuvoso, que compreende os meses de março até o final de agosto.  Ainda segundo o órgão, em um levantamento feito em 2021, cerca de 50 mil pessoas já se cadastraram para receber as mensagens pelo telefone. 

*Estagiária sob a supervisão da editoria

Assine a nossa newsletter

Recomendadas pra você

Receba conteúdo gratuito da Tatu diretamente no seu WhatsApp.