Agência Tatu lança robô que escreve matérias de utilidade pública com auxílio de IA

Projeto piloto divulga vagas de emprego em Maceió e é o primeiro da startup que utiliza Inteligência Artificial generativa; todo conteúdo passa por revisão humana

SururuBot Agencia Tatu - Agência Tatu lança robô que escreve matérias de utilidade pública com auxílio de IA
Compartilhe

Inovar para chegar a mais lugares. É com esse objetivo que a Agência Tatu, startup de jornalismo de dados do Nordeste, lança o SururuBot, iniciativa que alia jornalismo local e Inteligência Artificial (IA). No projeto piloto, a Tatu produzirá conteúdos semanais sobre as vagas de emprego em Maceió, sempre às segundas-feiras e de modo automatizado.

As informações são coletadas da plataforma do Sine Maceió por meio de uma API, que é um mecanismo que facilita a coleta e posterior tratamento dos dados por meio de scripts.

Para desenvolver o robô, foi empregado a tecnologia de Inteligência Artificial GPT-3.5, da OpenAI, alimentando com artigos de fontes internas e externas, além de refinamento dos comandos e parâmetros até que o texto alcançasse o formato desejado.

Acesse aqui a primeira matéria produzida pelo robô.

O SururuBot faz parte do programa Acelerando Negócios Digitais, do Centro Internacional para Jornalistas (ICFJ) e da Meta, empresa dona do Facebook e Instagram, que financiou o projeto. 

A referência do nome também é regional. Sururu é um molusco envolvido por duas conchas, típico do Nordeste e bastante encontrado na região lagunar de Maceió e de outras cidades da região. Com o molusco, é produzido diversos pratos típicos da gastronomia local.

Revisão humana

Embora o SururuBot seja responsável pela geração inicial do conteúdo, cada texto passa por uma revisão cuidadosa pela nossa equipe de jornalismo. Esse processo de edição é fundamental para garantir que o conteúdo seja não apenas eficaz, mas também totalmente preciso ao ser entregue à população. As diretrizes da Tatu para o uso da IA estão disponíveis para consulta.

“Este é o nosso primeiro projeto utilizando IA e estamos muito felizes em começar com uma prestação de serviço na cidade em que a Tatu nasceu. Mas não queremos parar por aqui. Nossa intenção é que possamos chegar a mais municípios e tratar sobre outros temas, entregando um conteúdo inovador, mantendo a qualidade e credibilidade de sempre”, destaca Graziela França, diretora de conteúdo da Tatu.

Processo de desenvolvimento

Para chegar ao resultado do projeto piloto, o time da Tatu passou por algumas etapas que aliaram programação, pós-treinamento da IA genarativa e, claro, jornalismo. O script do SururuBot foi inteiramente desenvolvido internamente pelo nosso time de tecnologia, utilizando a linguagem de programação Python.

  1. Todas as semanas o robô acessa a página do banco de talentos do Sine Maceió e coleta todas as informações disponíveis sobre as vagas;
  2. Um script trata os dados para identificar quais vagas ainda estão disponíveis, identificando as áreas de emprego e os bairros, além de informações adicionais, como data e hora que a vaga foi inserida no sistema;
  3. Gráficos e tabelas são atualizados automaticamente com as novas vagas disponíveis usando a ferramenta Datawrapper;
  4. Todas essas informações são enviadas para uma instância do GPT-3.5 que passou por um pós-treinamento para seguir diretrizes pré-definidas pela equipe e criar texto, título, subtítulo e demais elementos textuais;
  5. Um profissional recebe o alerta de que um novo texto está pronto e pode ser revisado. O profissional verifica a consistência, qualidade e confiabilidade do conteúdo gerado, modificando o que achar necessário;
  6. Após a cuidadosa apuração do conteúdo e das informações, o texto é publicado pelo profissional e fica disponível para nossos leitores.

Para o diretor de tecnologia, Lucas Maia,  o novo projeto une as principais diretrizes da Tatu. “Nossa paixão é fazer jornalismo de dados local e regional, sempre com pitadas de inovação, mas sem nunca esquecer do nosso dever maior, que é o combate à desinformação e aos desertos de notícias de todas as formas possíveis, e o SururuBot é mais um dos projetos com esse objetivo”, completa.

Encontrou algum erro? Nos informe por aqui.

Recomendado para você

capa fake violencia alagoas - É  falso! Violência em Alagoas não aumentou em 2023

É  falso! Violência em Alagoas não aumentou em 2023

Dados de 2022 e 2023 mostram redução de 1,2% no número de casos de mortes violentas intencionais; feminicídio teve queda de 34%
inteligencia artificial agencia tatu - Tatu lança diretrizes de uso de Inteligência Artificial em reportagens e projetos

Tatu lança diretrizes de uso de Inteligência Artificial em reportagens e projetos

Política de Uso de IA vai guiar o trabalho jornalístico da redação com esta tecnologia
fake cepa braskem - É falso! Colapso de mina da Braskem não deve afetar principal avenida de Maceió

É falso! Colapso de mina da Braskem não deve afetar principal avenida de Maceió

Avenida Fernandes Lima está fora da área de risco; Entenda nos mapas
mulher segura bloco de construção criado com materiais recicláveis de carapaças de siri

Blocos ecológicos: carapaças e conchas se tornam material de construção em Alagoas

Reportagem especial da Agência Tatu mostra como resíduos se transformaram em materiais sustentáveis através da ciência