Solicitações via LAI ao executivo alagoano caíram 22% em 2020

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Dados integram Sala de Controle do sistema de pedidos de informação do Governo do Estado

Painel de solicitações via LAI do Governo de Alagoas (Foto: Reprodução)

Por Agência Tatu

Em 2020 o número de solicitações via Lei de Acesso à Informação (LAI) ao executivo alagoano reduziu quando comparado ao ano anterior. O levantamento da Agência Tatu – realizado por meio dos dados disponíveis da Sala de Controle do E-sic Alagoas – revela que no ano passado houve 648 solicitações a menos que em 2019, quando foram registrados 2882 pedidos, representando uma redução de 22,5%.

Ainda segundo os dados coletados, nos meses de março (mês que a OMS decretou a pandemia), junho e dezembro de 2020 foram registrados mais pedidos via LAI se comparado ao mesmo período do ano anterior.

Confira a comparação entre os anos:

As informações disponibilizadas na Sala de Controle mostram que os cidadãos demoraram mais tempo para obter uma resposta dos órgãos do Governo de Alagoas do que no ano anterior. Em 2020, a média do tempo de respostas foi de 14,73 dias, enquanto que em 2019 o registrado era de 13,92 dias. 

Dentre as 2234 solicitações encaminhadas às repartições públicas que integram o Executivo Estadual, 53 foram relacionadas às informações referentes à pandemia da Covid-19, ou seja, quase 2,4% do total de pedidos.

Confira abaixo os meses onde mais foram feitos pedidos com o assunto Covid:

Saiba + -> Como fazer pedido via LAI aos órgãos de AL

DADOS ABERTOS – Prezamos pela transparência, por isso disponibilizamos as informações utilizadas na produção desta matéria para consulta:

Assine a nossa newsletter

Recomendadas pra você

Receba conteúdo gratuito da Tatu diretamente no seu WhatsApp.