Agência Tatu é selecionada em programa de aceleração da Meta (Facebook) e Ajor

Veículo alagoano foi aprovado com projeto que prevê ampliação de produção de jornalismo de dados para outros estados do Nordeste

escritorio tatu 1 scaled - Agência Tatu é selecionada em programa de aceleração da Meta (Facebook) e Ajor
Compartilhe

A Agência Tatu foi selecionada para fase de mentoria e fundos do programa Acelerando a Transformação Digital, iniciativa da Associação de Jornalismo Digital (Ajor), com apoio do Centro Internacional para Jornalistas (ICFJ) e da Meta, empresa dona do Facebook e Instagram.

No total, foram selecionados 15 projetos de organizações e startups de mídia de todo o país. Sendo dois deles de empresas do Nordeste, a Agência Tatu, sediada em Alagoas, e a Revista O Grito!, de Pernambuco.

As propostas selecionadas para o programa vão receber um investimento de até USD 15 mil dólares, além de mentoria e coaching estratégico e tático durante três meses para o desenvolvimento do projeto.

Expansão pelo Nordeste

O cofundador e diretor da Agência Tatu, Lucas Thaynan, fala da importância desta conquista em um ano tão significativo para a startup. “Neste ano a Tatu completa cinco anos de existência e este projeto vem no momento mais oportuno. A partir dele, iremos iniciar nosso processo de expansão para outros estados do Nordeste. Ficamos imensamente felizes com esta conquista e isso vai nos permitir alcançar novos públicos nos próximos meses”, explica.

A intenção é ampliar as produções de jornalismo de dados da Tatu para os outros estados da região e, assim, disseminar o jornalismo de dados local, como destaca Graziela França, cofundadora e diretora de conteúdo da agência.

“Há algum tempo discutimos a ampliação das nossas reportagens e produtos para outros estados da região Nordeste, mas não contamos com uma equipe suficiente para atender a esta demanda. Com esse investimento, poderemos trabalhar neste sentido. Além disso, como reforçamos a importância do jornalismo local, acreditamos que é essencial termos profissionais nos estados em que iremos atuar”, detalhou.

Sobre o Acelerando a Transformação Digital

Lançado em novembro de 2021, o programa foi desenvolvido em duas fases. Na primeira, mais de 80 startups e iniciativas digitais de notícias de todo o país participaram de seis sessões de treinamentos virtuais com especialistas, abordando diversos temas, como modelos de negócios e receitas, gestão de projetos e produtos, estratégias de desenvolvimento de audiência, diversidade e inclusão, gestão de conteúdo e monetização.

Nesta segunda fase, que começa a partir de agora, as 15 iniciativas selecionadas receberão recursos e mentoria para a implementação dos projetos apresentados.

Conheça as iniciativas com projetos aprovados:

  1. Agência Tatu – AL
  2. Fauna News – SP
  3. Instituto Alma Preta Jornalismo – SP
  4. Jornal Plural – PR
  5. Matinal Jornalismo – RS
  6. Mobile Time – RJ
  7. Nexo Jornal – SP
  8. O GRITO! – PE
  9. Periferia em Movimento – SP
  10. Ponte Jornalismo – SP
  11. Portal dos Jornalistas – SP
  12. Projeto #Colabora – RJ
  13. Rádio Guarda-Chuva – SP
  14. Rádio Novelo – RJ
  15. Regra dos Terços – PR

Encontrou algum erro? Nos informe por aqui.

Recomendado para você

20220614 092330 - Agência Tatu vai ampliar produção de conteúdo no Nordeste com apoio da Meta e ICFJ

Agência Tatu vai ampliar produção de conteúdo no Nordeste com apoio da Meta e ICFJ

Veículo foi um dos selecionados pelo programa Acelerando Negócios Digitais; mais três iniciativas de Alagoas também foram contempladas
1 3 1 - Time Tatu celebra seis anos de jornalismo de dados no Nordeste

Time Tatu celebra seis anos de jornalismo de dados no Nordeste

Agência de jornalismo de dados comemora novo ciclo com mais alcance, premiações e conquistas 
121 - Reportagens de impacto e inovação: confira como foi o 2023 da Tatu

Reportagens de impacto e inovação: confira como foi o 2023 da Tatu

Confira a retrospectiva da Agência Tatu de Jornalismo de Dados!
Capa da matéria ''Apesar da redução, Nordeste é a região com maior desertos de notícias do país" publicada originalmente na Agência Tatu.

Apesar da redução, Nordeste é a região com maior número de desertos de notícias do país

Região possui maior proporção de municípios sem cobertura local de jornalismo