É fake! Ginecologista não foi preso por se recusar a atender paciente trans

Texto foi criado por site de humor em 2016; foto foi copiada de uma notícia de 2007 de outro contexto

Ginecologista não foi preso por se recusar a atender paciente trans
Compartilhe

É falso que um ginecologista tenha sido preso após se recusar a atender travesti. Circula nas redes sociais uma suposta manchete, que na verdade foi criada por um site de humor em 2016.

O que estão dizendo?

Está sendo compartilhada a captura de tela de uma postagem no Facebook com o link da suposta notícia: “Ginecologista se recusa a atender travesti e é preso em flagrante”. Quem compartilhou deixou uma crítica a respeito da situação, no entanto o caso nunca ocorreu. A imagem é sinalizada pelo WhatsApp como “encaminhada com frequência”.

Oxe, é Fake

A situação relatada nunca existiu. O Nordeste Contra o Fake localizou a postagem que aparece na captura de tela e descobriu que ela foi publicada originalmente em 2017. Nos comentários, algumas pessoas também criticam o possível caso, mas outras alertam que o conteúdo é falso.

O site hetero.blog.br, que publicou a informação falsa, não está mais no ar. O texto original foi, na verdade, divulgado em 2016 pelo site satírico joselitomuller.com que também não existe mais. No entanto, por meio do site  Wayback Machine, onde é possível acessar páginas da internet que saíram do ar, esta checagem verificou que era um site que criava situações improváveis com objetivo humorístico.

“Joselito Muller é um personagem fictício que faz paródia de figuras públicas em situações cômicas. Nada é neste site é verdade”, dizia a descrição do site responsável por criar o texto falso.

Outro fato inusitado é que a imagem utilizada pela manchete falsa foi copiada de uma notícia do jornal O Globo de 2007 e reproduzida pelo site do veículo de notícias em 2014. Se trata do médico Bruno Gomes da Silva, preso pela prática de aborto em clínica clandestina.

O conteúdo falso já circulou em vários formatos desde 2016 e foi checado pelos sites E-farsas, Observador, R7 e Aos Fatos.

Nordeste Sem Fake

A editoria Nordeste Sem Fake, da Agência Tatu, monitora diariamente diversas redes sociais em busca de publicações com conteúdos potencialmente falsos. Mais checagens de fatos estão disponíveis no site.

Encontrou algum erro? Nos informe por aqui.

Recomendado para você

casos de câncer não aumentaram após vacinação

É falso: casos de câncer não aumentaram após vacinação contra Covid-19

O Instituto Nacional do Câncer informou que não houve aumento de casos de câncer após a vacinação. Números do Datasus mostram redução entre o número de 2019 e o de 2022
doacao - O que se sabe sobre multas e restrições a caminhões com doações para o RS

O que se sabe sobre multas e restrições a caminhões com doações para o RS

Confira as afirmações e esclarecimentos sobre a circulação de caminhões em direção ao RS
leite nan não é doado por hospitais universitários

É falso! Hospitais universitários não doam leite Nan 

Conteúdo falso circula desde 2015; leite Nan não consta em lista de itens oferecidos pelo SUS
é verdade que estacionamento recuado não é privativo

É verdade! Estacionamento recuado não pode ser privativo

Explicação de advogada com base em resolução do Contran viralizou no Tiktok