Quase metade dos participantes do BBB de todas as edições são do eixo Rio-São Paulo

Região Norte teve menos participantes em todas as edições do BBB e somente um vencedor; conheça o perfil de todas as edições

Capa da matéria publicada no site Agência Tatu: "Quase metade dos participantes do BBB de todas as edições são do eixo Rio-São Paulo". Imagem digitla de prancheta com pré-requisitos para entrar no BBB como ser sudestino e da mídia.
Compartilhe

Em janeiro chega o momento de dar uma espiadinha e ficar atento à vida e ao jogo de 22 pessoas, com o Big Brother Brasil, reality show exibido pela Rede Globo. Com edições anuais e seleção de candidatos de todo o país, as vagas são limitadas e concorridas, mas isso não parece ser um empecilho menor para os inscritos do eixo Rio-São Paulo, que juntos somam 45,57% do total de selecionados entre todas as edições.

De acordo com dados coletados pela Agência Tatu, o Sudeste lidera a quantidade de participantes nas edições com 56,51%. Em seguida, aparece o Sul com 16,93%, depois o Nordeste com 15,10%, o Centro-Oeste com 7,03% e, por último, o Norte, que teve apenas 3,39% de representantes em todas as edições do reality show. O programa também contou com participantes de outros países, que representam 1,04%.

Todas essas informações sobre colocações, local de nascimento e profissão foram tiradas do Wikipedia. Ao todo, foram 23 edições e 384 participantes divididos entre anônimos e famosos.

Participantes do BBB por estado

O Norte teve apenas 13 participantes em todas as edições do reality show e apenas uma saiu vencedora, que foi a acreana Gleiciane Damasceno da Silva, no BBB 19. Amapá e Tocantins sequer tiveram algum candidato escolhido para participar do confinamento.

Já o Centro-Oeste teve 27 participantes entre as edições, mas apenas três saíram vitoriosos. O Nordeste, por sua vez, teve 58 participantes, mas apenas três vencedores: os baianos Jean Wyllys e Maria Nilza e a paraibana Juliette Freire.

A região Sul teve 65 participantes e também três tornaram-se campeões de suas edições.

Por fim, o Sudeste, com 217 participantes, teve 12 ganhadores do programa.

O reality show conseguiu reunir as mais diversas profissões, entretanto, a maior parte dos selecionados são artistas ou pessoas que trabalham na mídia. Atores, cantores, modelos e influenciadores digitais estão nesse patamar, mas aparecem com certa frequência médicos, empresários e até surfistas profissionais.

Algumas profissões também não estão entre as mais escolhidas, como atendentes de loja ou de farmácia, babás, garçons e outras sequer tiveram algum representante, como é o caso de empregadas domésticas ou garis.

Dados abertos

Prezamos pela transparência, por isso disponibilizamos a base de dados e documentos utilizados na produção desta matéria para consulta:

Encontrou algum erro? Nos informe por aqui.

Recomendado para você

Capa da matéria publicada originalmente na Agência Tatu "Madonna no Brasil: Nordestinos vão ao Rio de Janeiro para show de encerramento da “Celebration Tour”". Foto de Matthew Rettenmund/SplashNews.com

Madonna no Brasil: Nordestinos vão ao Rio de Janeiro para show de encerramento da “Celebration Tour”

Previsão de espectadores para o show é de 1,5 milhão de pessoas
Capa da matéria "Nordeste é destaque em 11 escolas de samba do Carnaval do Rio de Janeiro e São Paulo" publicada originalmente na Agência Tatu.

Nordeste é destaque em 11 escolas de samba do Carnaval do Rio de Janeiro e São Paulo

Homenagens destacarão personagens e elementos presentes na cultura regional
Capa da matéria "A cada 100 mil habitantes do Nordeste, 30 tem 100 anos ou mais" publicada originalmente na Agência Tatu.

A cada 100 mil habitantes do Nordeste, 30 tem 100 anos ou mais 

Aproximadamente metade da população da faixa +100 vive na Bahia e Maranhão
Quilombolas no Nordeste

A cada 10 quilombolas do Nordeste, apenas 1 vive em território delimitado

Censo 2022 contabilizou 905.415 quilombolas na região; estados do Nordeste concentram mais de 68%, no entanto, menos de 10% em territórios quilombolas